Notícias

Agro

Produtores de nanica relatam dificuldades de escoamento para RS

Data21 maio 2024

COMPARTILHE

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Boa parte da oferta do Norte de SC era mandada para o estado gaúcho

Produtores de banana nanica do Norte de Santa Catarina e, em menor proporção, do Vale do Ribeira (SP) relataram que os envios para o Rio Grande do Sul seguem impactados, devido à tragédia causada pelas fortes chuvas nas últimas semanas, que inviabilizaram parte das estradas. Assim, não conseguiram enviar essas frutas para lá e tiveram que mandá-las para outros centros alternativos.

No Norte de SC, o preço da prata se manteve, devido à baixa oferta – a variedade de primeira qualidade foi comercializada a R$ 3,14/kg -, enquanto o da nanica registrou recuo de 10%, sendo vendida na média de R$ 0,64/kg, diante da maior oferta. Para a próxima semana, espera-se que o volume de nanica siga elevado e de prata ainda esteja controlado na região.

NOTA: O CEPEA, que acompanha e analisa de perto as atividades do agronegócio no Rio Grande do Sul, captando as condições socioeconômicas de seus produtores rurais, neste lamentável momento de catástrofe climática, se solidariza com eles – e com a sociedade gaúcha como um todo – diante das substanciais perdas de renda e patrimonial, mas, acima de tudo, das vidas humanas sacrificadas.

Fonte: hfbrasil.org.br

VEJA TAMBÉM...

Publicidade