Notícias

Logística e Transporte

JE ENTREVISTA: Marcos Andrade, Gerente de Marketing de produto da Mercedes-Benz

Data24 abril 2024

COMPARTILHE

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

A edição de Abril traz um bate papo descontraído do Alexandre Neves, responsável por mídias e eventos do Entreposto, com o Gerente de Marketing de produto da Mercedes-Benz, Sr. Marcos Andrade, trazendo as novidades da tradicional montadora de caminhões para o mercado do agronegócio e dos principais Ceasas do Brasil.

Alexandre Neves: É um grande prazer entrevistar o amigo da Mercedes-Benz. O Grupo de Mídia Entreposto é parceiro da Mercedes há mais de 20 anos, fazendo grandes eventos, (como o Circuito Ceasa Mercedes-Benz) e levando informação junto ao público do agronegócio, principalmente o público que circula nas grandes Ceasas (Centrais de Abastecimento) do Brasil, através de suas mídias (Jornal Entreposto On Line, Site Jornal Entreposto e Anuário Entreposto).

O Entreposto se relaciona com os principais Ceasas do Brasil, com os permissionários (empresários, donos de box dos Ceasas) e com os principais compradores. A marca Mercedes-Benz é lider de vendas e dentro dos Ceasas e é a marca mais presente em números da frota de circulação, conforme levantamentos realizados nos ultimos anos. Gostaríamos que o Sr. Marcos Andrade deixe um recado para toda nossa galera, que utiliza os produtos Mercedes-Benz diariamente dentro dos Ceasas:

Marcos Andrade: A Mercedes-Benz enxerga o agronegócio como um dos pilares do mercado de caminhões e reconhece que o seu sucesso neste segmento está baseado na robustez e confiabilidade dos seus produtos. Além dos produtos, a Mercedes-Benz tem buscado trazer soluções em vendas e pós vendas (por exemplo, diversas opções de contratos de manutenção), que facilitem a vida dos clientes, permitindo que eles se concentrem no seu negócio e deixem que a nossa estrutura de rede cuide dos seus caminhões. Contem com a Mercedes-Benz como seu parceiro !

Alexandre  Neves: Falando sobre mercado de caminhões, a Mercedes-Benz, assim como as outras montadoras, tiveram um boom de vendas nos caminhões Euro 5 fabricados até 31 de Dezembro de 2022. A linha Euro 6, fabricada a partir de Janeiro 2023 com muitas novidades tecnológicas, demorou um pouco para ter grande impacto de vendas, pra todas as montadoras, inclusive com a Mercedes, por motivos de aumento de preço e pela troca de governo, entre outros motivos. Estamos já em Abril de 2024. Fale do cenário de vendas em geral da Mercedes-Benz para esse ano.

Marcos Andrade: O ano de 2023 foi o de introdução, consolidação e estabilização da tecnologia EURO6. O estoque da rede de 2022 para 2023 estava bastante grande, o que fez com que durante o 1° semestre de 2023 as vendas efetivas aos clientes finais fossem quase 100% ainda de produtos Euro 5. A partir do 2° semestre começaram de fato as vendas de caminhões Euro 6. Para 2024, com o EURO6 estabilizado, estamos vivendo um mercado crescente e com boas perspectivas em todos os setores. Importante mencionar que os níveis de emissão de poluentes dos caminhões EURO6 caíram drasticamente em relação aos EURO5, especialmente material particulado – a famosa fumaça preta -, e NOx, que causa a chuva ácida. Em paralelo, os caminhões receberam uma arquitetura eletrônica mais moderna que ampliou a oferta de serviços. Um bom exemplo é o Uptime, que agora é oferecido também para Accelo e Atego, além de Actros e Arocs. Esse serviço, associado à tecnologia de telemetria do Fleetboard, permite aumentar a previsibilidade de manutenções e reduzir o tempo dos veículos fora de operação.  

Alexandre Neves – O agronegócio é um dos principais motores da economia brasileira. Sabemos que para o transporte de grãos, os caminhões mais usados são os modelos extrapesados, sendo um dos destaques os novos modelos Actros, lançados em 2022, 2023. Muitos empresários dos Ceasas, além de produzir em suas terras produtos hortigranjeiros, também destinam uma parte de suas terras para a produção de grãos. Eles costumam usar os caminhões, parte do tempo no transporte de grãos, parte parte do tempo na distribuição de frutas, verduras e legumes, do campo para as Ceasas. Deixe um recado para o empresário que precisa de um caminhão robusto, potente e de confiabilidade para o seu dia a dia.

Marcos Andrade: A Mercedes-Benz desenvolveu para esta aplicação um Actros focado na realidade de uso do Brasil. O Actros brasileiro não é igual ao Actros alemão. Ele foi desenvolvido com as peculiaridades do mercado brasileiro. Por exemplo, o ângulo de entrada é mais acentuado, a suspensão mais reforçada, o vão livre em relação ao solo é maior. O próprio posicionamento da cabine foi alterado para ter o centro de gravidade mais baixo, aumentando o nível de conforto na condição de operação do Brasil, que tem muita torção e vibração. Também temos uma versão que usa componentes do Arocs, um veículo fora de estrada, para operação em condições mais severas. Isso mostra o compromisso da Mercedes-Benz com o país e suas características.  

Alexandre Neves: E falando da distribuição de frutas, verduras e legumes, a Mercedes-Benz possui a linha Accelo e Atego, dois produtos muito bem posicionados nos principais Ceasas do Brasil, muito bem aceito por permissionários, supermercadistas e transportadores autônomos que circulam diariamente nos Ceasas. Deixe um recado para essa galera !!

Marcos Andrade: Temos uma novidade nessa linha. Com o transporte de frutas, sempre há uma perda expressiva de produtos nas estradas devido à vibração a que a carga é submetida, que acaba por danificá-la. Para a linha Atego, hoje há a possibilidade de instalar suspensão a ar na traseira, substituindo o feixe de molas. O pedido pode ser feito na concessionária no momento da compra do caminhão.  Esse é um opcional instalado direto pela fábrica em nossa área de customização de produtos, preservando a carga ao absorver as vibrações.

Outro ponto importante é que, para o conforto e melhor produtividade do motorista, hoje temos toda a linha com a opção de caixa de transmissão automatizada.

Todos os Atego 6×2 e 8×2 já são 100% automatizados de série. Para os Accelos e Atego 4×2, o câmbio automatizado é opcional.

Toda a eletrônica instalada nos caminhões automatizados ajuda muito no conforto e na manutenção do caminhão, evitando trocas de marcha na hora errada e procedimentos incorretos que o motorista possa fazer durante a viagem, o que preserva a embreagem e aumenta sua vida útil.

Alexandre Neves: A taxa Selic está caindo lentamente, mas está caindo…. fale um pouco das expectativas de crédito e planos de financiamento, consórcio para esse ano para a Mercedes-Benz ?

Marcos Andrade: A Mercedes está trabalhando o crédito junto com o nosso banco, com promoções agressivas no varejo. Por exemplo, no início de 2024, estávamos com taxas de 0,95% ao mês. Hoje, esperamos que a queda dos juros SELIC ocorra de forma mais rápida, mas, independentemente disso, estamos trabalhando para, mesmo com taxas mais elevadas, manter a atratividade do financiamento. Além disso, temos opções de consórcio, que é um modelo de negócio conhecido e muito utilizado pelos brasileiros.

No começo do ano passamos a oferecer também o Rental, que é o aluguel do caminhão, que ajuda o empresário a se focar no seu negócio, ficando livre das preocupações com IPVA, manutenção e financiamento, pagando um valor fixo. É também um produto do Banco Mercedes, que também ajuda o empresário nesse momento de juros altos. 

Alexandre Neves: Qual a expectativa da Mercedes com a nova linha de crédito, o Mais Alimentos, visto que no passado essa linha de crédito foi um sucesso de vendas ?

Marcos Andrade: Enxergamos com bons olhos, pois é uma parte da frota circulante que precisa ser atendida, principalmente os pequenos e médios. No passado, ela foi muito bem aceita pelo mercado, e esperamos que hoje a frota de caminhões antigos seja substituída pelos novos caminhões, também contribuindo para a redução de polunetes. 

Alexandre Neves: E finalizando, o ano de 2024 é um ano de Fenatran, normalmente um ano repleto de novidades por parte das montadoras.  Também estamos vivendo um momento na indústria brasileira que muitas montadoras estão anunciando grandes investimentos no desenvolvimento de novos produtos e tecnologias. O mercado pode aguardar novidades da Mercedes-Benz nos próximos meses ? 

Marcos Andrade: Sim, podem aguardar. Essa Fenatran trará muitas novidades em todos os segmentos, inclusive nas linhas Atego e Accelo. Teremos novos modelos e configurações, sempre com foco no cliente e fruto das demandas que coletamos ao longo das inúmeras conversas. Será uma Fenatran bastante interessante para o segmento. 

VEJA TAMBÉM...

Publicidade