Notícias

Notícias

PÓS CONQUISTAS DO SETOR, IBRAFLOR RESSALTA APOIO DA PREFEITURA NO COMBATE À CRISE

Data26 Maio 2020

COMPARTILHE

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

O Instituto Brasileiro de Floricultura (Ibraflor) encaminhou à Prefeitura de Holambra no dia, 20 de maio, ofício de agradecimento pelo “apoio e empenho na defesa dos interesses do nosso setor de flores e plantas ornamentais” diante da crise gerada pela pandemia do novo coronavírus.

O documento, entregue em mãos ao prefeito Fernando Fiori de Godoy pelo presidente do instituto, Kees Schoenmaker, ressalta que a “atenção e dedicação ao setor foram muito importantes para conseguirmos avanços e termos esperança por dias melhores”.

Holambra, desde o início do período de quarentena, manteve a permissão de abertura para gardens e floriculturas com o objetivo de sinalizar ao Estado a importância da atenção ao segmento, tão fortemente prejudicado pela crise, com queda de até 80% na arrecadação.

A sinalização foi acompanhada por cartas enviadas ao governador João Dória e ao vice-governador Rodrigo Garcia, em 6 de abril, com pedidos de abertura do mercado para o Dia das Mães, celebrado no início de maio. A data é a mais importante do calendário anual para os produtores.

O pedido foi atendido no dia 29 daquele mês, com reabertura para todo o território paulista.

“Temos um desafio sanitário e de saúde pública que estamos procurando enfrentar da maneira mais adequada possível. E também um problema econômico e de emprego e renda. Estamos trabalhando forte nas mais diferentes frentes”, destacou o prefeito à época.

Antes disso, em 1º de abril, o prefeito havia encaminhado também cartas aos Ministérios da Economia, da Agricultura e à Casa Civil, bem como às Secretarias de Estado de Agricultura e Abastecimento, Fazenda e Desenvolvimento Regional, requerendo a liberação de pacotes emergenciais de resgate aos produtores, com linhas de crédito facilitadas para enfrentamento da crise.

Em resposta, o Governo Federal informou em 14 de abril medidas emergenciais de apoio de crédito a produtores rurais de todo o país.

Entre as ações anunciadas estavam a prorrogação de vencimentos das parcelas de operações creditícias de custeio e investimento, bem como a criação de linhas especiais de financiamento de custeio por meio do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) e do Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp).

As propostas foram autorizadas pelo Banco Central do Brasil em 9 de abril por meio da Resolução nº 4.801.

Prefeitura e Ibraflor, acompanhados pelas cooperativas locais, estão desde março atuando junto às diferentes esferas do governo para garantir a sobrevivência do setor, responsável atualmente por 210 mil empregos em todo o país – mais de 3.500 somente em Holambra. Campanhas de incentivo ao consumo também foram lançadas pelas cooperativas, pelo Ibraflor e pela administração municipal com apoio de estabelecimentos do trade turístico da cidade.

VEJA TAMBÉM...

Publicidade