- Jornal EntrePosto - https://www.jornalentreposto.com.br -

Portal Sou Reciclável desmistifica e incentiva a prática da reciclagem

Termotécnica diversifica estratégias de comunicação para promover a reciclagem das embalagens de EPS (isopor*) pós-consumo e inicia pela aplicação do selo pelas conservadoras DaColheita

Ainda são poucas as pessoas que sabem que o EPS – mais conhecido como isopor* – pode ser totalmente reciclado. E ainda menos consumidores sabem como destinar corretamente aquela embalagem que protege a TV, o refrigerador ou as caixas que acondicionam frutas, alimentos e medicamentos. Para esclarecer, orientar e potencializar a reciclagem do EPS destas embalagens pós-consumo, a Termotécnica está lançando o portal Sou Reciclável (soureciclavel.com.br).

Quem acessar o portal terá informações de porquê reciclar esse material, como reciclar e, muito importante, onde encontrar os pontos de descarte mais próximos em todo o país. Para ampliar essa rede de parceiros, empresas e entidades que quiserem se juntar ao Programa Reciclar EPS podem fazer o cadastramento diretamente no site.

No portal também são apresentados mitos e fatos sobre a reciclagem do EPS e os números do programa. Desde 2007, quando foi lançado pela Termotécnica, o Programa Reciclar EPS já recuperou e reciclou mais de 44 mil toneladas de EPS pós-consumo, o que representa cerca de 1/3 de todo material reciclado no mercado. Gera cerca de 100 empregos diretos nas unidades da Termotécnica em 5 estados e conta com mais de 1,2 mil Pontos de Coleta e 300 cooperativas de reciclagem parceiras no país. O que impacta diretamente na inclusão sócio-produtiva de mais de cinco mil famílias e contribui para a valorização dos trabalhadores da cadeia de reciclagem.

Mas há muito potencial para ampliar ainda mais esses resultados. Por isso, a Termotécnica lançou o selo Sou Reciclável que está sendo incluído em suas embalagens com o QR Code “Acesse e Recicle”. Dessa forma as pessoas já têm facilmente em mãos todas as informações para destinação correta das embalagens.

A Termotécnica iniciou a aplicação do selo com o QR Code nos rótulos das conservadoras DaColheita, direcionadas à cadeia do agronegócio, e irá expandir também para as embalagens de outros segmentos atendidos pela companhia como de eletrodomésticos e eletroeletrônicos. “Acreditamos que a embalagem é um excelente veículo para levar essa informação até o consumidor final e incentivar a reciclagem. Contamos com o apoio dos clientes para que a mensagem possa ser disseminada para o maior número de pessoas”, afirma Albano Schmidt, presidente da Termotécnica.

Ainda para ampliar as estratégias de comunicação para a reciclagem do EPS, a Termotécnica vem utilizando as redes sociais. No Instagram da companhia (@termotecnicabr), por exemplo, semanalmente são postados vídeos que passam essa mensagem adiante, sempre de uma maneira leve e descontraída.

Com o Programa Reciclar EPS, Termotécnica conquista reconhecimento no Brasil e no mundo

Programa Reciclar EPSdaTermotécnicatem conquistado reconhecimentos nacionais e internacionais pelos resultados consistentes ao longo de quase duas décadas. O mais recente foi o Prêmio Plástico Sul de Sustentabilidade & Inovação. A companhia também foi considerada uma das empresas mais sustentáveis do país no Guia Exame de Sustentabilidade e foi reconhecida no 26º Prêmio FIESP de Mérito Ambiental, com menção honrosa na categoria médias e grandes empresas, com o case “Reciclar EPS – da logística reversa a novos produtos”.

O Programa Reciclar EPS é hoje reconhecido também mundialmente como um sucesso e exemplo a ser seguido por outros fabricantes que utilizam matéria-prima reciclável. Em 2018, às vésperas de iniciar o fornecimento de embalagens conservadoras para a exportação de frutas –, um dos produtos de maior valor agregado do agronegócio brasileiro –, a Termotécnica também reforçou suas parcerias com as empresas do Global Packaging Alliance, formada por dezenas de fornecedores que garantem a reciclagem de embalagens de EPS em países como Portugal, Espanha, Alemanha, Holanda, França, Reino Unido e Estados Unidos. A companhia integra ainda o movimento mundial do segmento plástico para evitar a perda dos pellets na cadeia produtiva do plástico e seu acúmulo indevido nos oceanos, por meio do Fórum Setorial dos Plásticos – Por um Mar Limpo.

Esta ação visionária da Termotécnica é resultado de parcerias, pesquisa, dedicação, investimentos para a busca de soluções sustentáveis, que tem demonstrado para a sociedade que o EPS é 100% reciclável e deve ser reaproveitado. Ao quebrar paradigmas, além de reforçar seu compromisso ambiental, a empresa valoriza o insumo dando destinos mais nobres que o aterro, mantendo-o em seu mais alto nível de utilidade. A reciclagem do EPS gera uma nova matéria-prima, denominada Repor® – marca de poliestireno reciclado da Termotécnica -, fornecendo para fabricantes de rodapés, molduras, solados de sapatos, decks para piscinas, entre outros produtos.

Essa prática de economia circular permeia a gestão integrada da Termotécnica, que começa no desenvolvimento do produto e a cada ano vem se fortalecendo com o Programa Reciclar EPS. “Nossa abordagem ambiental traz a economia circular na prática. Inclui uma visão integrada desde a concepção de produtos, eficiência operacional, passando por logística reversa, reciclagem e indo até novas cadeias produtivas, fechando o ciclo da economia circular. Pensando na cadeia logística como um todo, o Programa Reciclar EPS atende às exigências por uma atuação responsável das empresas em termos de sustentabilidade”, afirma o presidente, Albano Schmidt.

 *isopor é uma marca registrada de empresa terceira