Notícias

Comércio Exterior e Economia

Governo brasileiro lança certificação fitossanitária eletrônica para impulsionar comércio exterior

Data23 maio 2024

COMPARTILHE

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Neo dia 08/05, o Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA) realizou uma solenidade para o lançamento do certificado fitossanitário eletrônico (ePhyto). O certificado, voltado para produtos vegetais, tem o objetivo de encurtar prazos e eliminar burocracia na operação de comércio internacional.

O evento contou com a presença do ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro, e de representantes do setor agrícola brasileiro. Entre eles, esteve Marcos Amorim, presidente do Comitê de Contratos Externos da Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (ANEC), entidade que colaborou ativamente na implementação deste sistema no Brasil.

O ePhyto será emitido pelo Ministério da Agricultura e Pecuária e irá contribuir para a eliminação de etapas burocráticas, como o envio de vias físicas de documentos e o preenchimento manual dos certificados. O objetivo é facilitar o comércio internacional e garantir um ambiente de negócios mais competitivo para o exportador brasileiro.

“Além de deixar o processo menos burocrático, o ePhyto diminui o risco de fraudes e de adulterações do documento físico e representa a desburocratização dos processos de exportação de grãos, com maior celeridade, transparência e segurança das informações. Assim, o Brasil se torna cada vez mais automático e eletrônico do processo de comércio exterior”, explica Marcos Amorim, presidente do Comitê de Contratos Externos da Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (ANEC).

Segundo o MAPA, atualmente mais de 70 países estão realizando as trocas de certificado por meio da solução ePhyto, e o Brasil, como um dos maiores exportadores mundiais, passa a partir fazer parte dessa lista.

VEJA TAMBÉM...

Publicidade