- Jornal EntrePosto - https://www.jornalentreposto.com.br -

Cestas por assinatura de frutas, legumes e verduras orgânicas aliam saúde, praticidade e planejamento financeiro

O modelo já é sucesso na foodtech de orgânicos Raízs, e corresponde a 50% dos pedidos que a startup recebe entre os clientes da Capital, Interior, ABC e Santos

Que o consumo de orgânicos aumentou em todo o Estado de São Paulo não é novidade. No mercado de alimentos saudáveis, esses produtos ganham cada vez mais destaque e, segundo dados do Sebrae, cresceram 10% desde janeiro de 2020, com um acréscimo de 2,3 mil novos produtores.

O motivo: os consumidores estão se alimentando mais em casa e seguem preocupados com a procedência dos alimentos e também com a saúde e prevenção de doenças. Por esse motivo, os alimentos sem agrotóxicos e frescos têm ganhado mais força, mas que tal aliar praticidade e economia nessa rotina saudável?

Raízs , foodtech que conecta pequenos produtores de orgânicos com consumidores das cidades, também viu essa demanda aumentar e decidiu criar um novo modelo: as cestas por assinatura frutas, legumes e verduras e tudo o mais o que a pessoa quiser receber semanalmente ou quinzenalmente.

E tem feito sucesso. Segundo a startup, as assinaturas já representam 50% dos pedidos do mês. “Nós vimos que nossos consumidores gostam de cozinhar, de se alimentar bem e as nossas cestas dão um ar de curiosidade sobre quais itens virão nela, já que é tudo surpresa e tem uma rotatividade incrível”, comenta o CEO e fundador da Raízs, Tomás Abrahão. Optando por esse modelo, o cliente recebe semanalmente ou quinzenalmente itens sortidos da estação, entre legumes, verduras, frutas e temperos. Ainda é possível indicar itens que o consumidor não deseja receber.

Outra importante praticidade das cestas por assinatura é que elas chegam no mesmo horário, e possuem o mesmo preço, uma vez que os produtos da Raízs não seguem as altas nos valores por questões como clima, aumento da gasolina ou outro motivo.

“A única coisa que nós fazemos igual aos sacolões e feiras é respeitar a sazonalidade dos alimentos, claro que em alguns momentos você não vai receber morango, por exemplo, mas nós podemos enviar frutas mais exóticas e pouco conhecidas, para quem gosta de cozinhar é uma ótima alternativa para conhecer novos sabores”, explica Abrahão.

Ainda segundo o CEO, existe um motivo para que a startup não siga o aumento de preço dos alimentos, e se chama planejamento. “A tecnologia nos ajuda a prever mais ou menos o que vamos vender no próximo mês, ainda mais em um sistema de assinaturas, e por isso nós não desperdiçamos alimento e já sabemos o que vai sair e o que plantar, isso melhora até mesmo a rotina do produtor, que já sabe também o valor que vai receber, de forma justa”, afirma. Além disso, a foodtech também elimina intermediários em toda a cadeia, desde a produção, até a entrega dos alimentos.

Montando a sua cesta

Antes de tudo, é importante saber o valor que o cliente está disposto a pagar, seja semanalmente ou quinzenalmente. Na Raízs, as cestas são inteiramente personalizáveis para todos os bolsos e, para facilitar ainda mais, sugerimos quatro opções de cestas: pequena, que custa R﹩ 49 com 7 unidades de frutas, legumes e verduras; média, com o valor de R﹩ 87,50, com 13 unidades; grande, pelo preço de R﹩ 117, com 17 unidades; e uma cesta somente com frutas, que acompanha 5 unidades, por R﹩ 45.

Além dos FLVs mais convencionais, a cesta pode conter Coco Verde, Avocado, Romã, Lima da Pérsia, Limão Cravo, Fruto de Ora Pro Nobis, Figo da Índia, Seriguela, Toranja, Cará, Pinhão, Catalonha, Cavolo Nero, Sucrine, Kale Crespo, Flor de Abóbora, Azedinha, Flor de Groselha, Nirá, Dill, Capuchinha e muitos outros. O consumidor ainda poderá incluir outros produtos como ovos, proteínas e pães.

Depois de escolher o tamanho desejado da cesta dos FLVs e adicionar outros produtos como pão, ovos, cogumelos, carne moída e etc, no pagamento é possível também optar pela melhor data de entrega da primeira compra, que definirá o dia da semana da assinatura. É importante ressaltar que todos os produtos são colhidos 24h antes da entrega, e os alimentos chegam todos frescos na casa do cliente. “Além de ter autonomia alimentar e ajudar na prevenção de doenças, o consumidor que compra os nossos produtos também entende que está ajudando a fomentar a agricultura familiar, melhorando a vida de muitos produtores, é para isso que trabalhamos, para incentivar o consumo consciente e justo para todos”, completa Tomás.

Todas as informações sobre as cestas por assinatura ou de qualquer produto da Raízs estão disponíveis no site.

Sobre a Raízs:

Fundada em agosto de 2014, a Raízs nasceu com o propósito de conectar o pequeno agricultor de produtos orgânicos ao consumidor final, criando assim um laço entre a cidade e o campo. Entre os serviços estão as cestas por assinatura disponíveis no site, tanto para os consumidores quanto para os estabelecimentos. A startup recebeu aportes importantes em prêmios como Red Bull AmaphikoChoice UP Artemisia, ONU Accelerate 2030, Creators Awards e recentemente recebeu a certificação de empresa em que o lucro anda junto com a responsabilidade social, concedida pelo Sistema B. A plataforma aceita todas as bandeiras de cartão de crédito e as compras podem ser feitas pelo site.