Notícias

Agro

Auditores Fiscais Federais Agropecuários liberam carga de medicamentos para o tratamento da Covid-19 em Anápolis

Data19 abril 2020

COMPARTILHE

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Auditores Fiscais Federais Agropecuários (Affas) atuaram na liberação de 39 toneladas do fármaco paracetamol para a fabricação de produtos usados no tratamento da Covid-19.

A operação foi realizada entre os dias 10 e 11 de abril, em conjunto com a Anvisa, a Receita Federal e a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz/GO), e a carga foi liberada em menos de 24 horas, agilizando o uso da matéria-prima.

“Como o carregamento veio da China em pallets de madeira, os Affas fizeram a fiscalização desses pallets para que a carga pudesse ser internalizada”, conta a Affa chefe do Serviço de Vigilância Agropecuária (Vigiagro) de Anápolis, Kenya Squilassi. A inspeção desse material visa a impedir a entrada de pragas que podem estar contidas na madeira. “Como é uma ação conjunta, a liberação do material depende de todos os órgãos envolvidos. O paracetamol em si, por exemplo, é inspecionado pela Anvisa”, continua.

A carga chegou ao Porto Seco de Anápolis na noite da sexta-feira santa (10), e foi liberada no sábado. Para que não houvesse atraso na operação, houve um planejamento prévio pela equipe do Vigiagro.

Dois dos servidores estão em home office por ser do grupo de risco da Covid-19, mas a fiscalização e liberação da carga foi feita de forma bastante ágil.

“Todos os órgãos estão empenhados em trabalhar e manter o abastecimento”, conta Kenya, “seja na parte de insumos para a indústria farmacêutica, como foi o caso dessa operação, quanto para liberar equipamentos, alimentos e tudo o mais que passa pelos portos, aeroportos e postos de fronteira. Todos os servidores estão em atividade, mesmo que seja por home office, e as atividades estão sendo realizadas normalmente”, finaliza.

Sobre os Auditores Fiscais Federais Agropecuários

O Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais Federais Agropecuários (Anffa Sindical) é a entidade representativa dos integrantes da carreira de Auditor Fiscal Federal Agropecuário.

Os profissionais são engenheiros agrônomos, farmacêuticos, químicos, médicos veterinários e zootecnistas que exercem suas funções para garantir qualidade de vida, saúde e segurança alimentar para as famílias brasileiras.

Atualmente existem 2,7 mil fiscais na ativa, que atuam nas áreas de auditoria e fiscalização, desde a fabricação de insumos, como vacinas, rações, sementes, fertilizantes, agrotóxicos etc., até o produto final, como sucos, refrigerantes, bebidas alcoólicas, produtos vegetais (arroz, feijão, óleos, azeites etc.), laticínios, ovos, méis e carnes.

Os profissionais também estão nos campos, nas agroindústrias, nas instituições de pesquisa, nos laboratórios nacionais agropecuários, nos supermercados, nos portos, aeroportos e postos de fronteira, no acompanhamento dos programas agropecuários e nas negociações e relações internacionais do agronegócio. Do campo à mesa, dos pastos aos portos, do agronegócio para o Brasil e para o mundo.

VEJA TAMBÉM...

Publicidade