Notícias

Logística e Transporte

A importância de ter uma frota para o seu negócio

Data19 outubro 2021

COMPARTILHE

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Vice-presidente da Embracon compartilha os três passos básicos para montar a própria frota

O transporte de carga por rodovias ainda é o principal meio de operações logísticas no país, levando mercadorias de norte a sul do Brasil. Portanto, ter uma frota é investimento fundamental para muitas empresas e o volume de vendas de caminhões novos apresentou um crescimento de 48,9% no período de janeiro a agosto deste ano em relação a 2020, segundo a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

Outro indício de que o mercado de veículos pesados está aquecido é o aumento nas vendas de cartas de consórcios para compra deste produto, que registraram alta de 84,1%, segundo a ABAC (Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios). Já a Embracon , uma das principais administradoras de consórcios do país, registrou um crescimento de 114,4% no primeiro semestre do ano.

Entre as principais vantagens de ter uma frota, estão a flexibilidade para se adaptar às agendas e demandas da própria empresa, além do acesso a toda a capacidade da área de armazenamento dos veículos. Ter a própria frota pode trazer mais eficiência no trabalho, no entanto, adquirir ou trocar os caminhões é um processo que deve ser realizado com muita cautela, já que os valores não são tão acessíveis. Segundo Luís Toscano, vice-presidente de negócios da Embracon, é importante buscar o máximo de informações para estudar as melhores alternativas para cada empresa, para investir de forma inteligente.

O executivo compartilhou 3 dicas para quem deseja montar a própria frota. Veja abaixo:

• Descubra por onde começar

Inicie com a criação de uma política de frota para a empresa para definir as regras básicas sobre o uso dos veículos da organização. O documento é fundamental para melhorar a gestão e segurança e pode evitar problemas futuros. O acordo deve incluir tópicos como a disponibilidade de cada caminhão, frequência de manutenção, consumo de combustível e conduta e responsabilidades dos condutores. “Antes de planejar a compra, é importante checar se os motoristas estão qualificados para dirigir os novos veículos. Portanto, cursos de treinamento, qualificação e reciclagem devem ser considerados para esse fim, afinal eles são responsáveis tanto pelas cargas que irão transportar quanto pelos riscos em casos de algum acidente”, explica Toscano.

• Planeje a compra dos veículos

Essa é uma das etapas mais importantes da construção de uma frota. Para o planejamento é essencial definir o tamanho da frota e os modelos de veículos que serão adquiridos. Para isso, é preciso analisar as necessidades da empresa para que a nova frota atenda as demandas de forma eficiente, além de estudar a fundo os diferentes tipos de caminhões e relacionar as vantagens e desvantagens de acordo com as demandas da própria empresa. Mais do que prestar atenção nos preços e configurações, é importante entender a relação de custo-benefício de cada veículo. Além de entender quais os melhores veículos para as necessidades da empresa, é importante conhecer as formas de aquisição, afinal o investimento será alto. “Uma das alternativas é o consórcio, que possibilita ao empresário um pacote com preços acessíveis e a posse do veículo em um prazo razoável. É o investimento ideal para quem pretende trocar, aumentar ou montar uma frota a médio prazo. No caso de uma frota comercial, você encontra uma combinação de carros novos, usados, caminhões e tratores. O financiamento também pode ser uma alternativa, porém é preciso dar um valor de entrada considerável e arcar com os juros desta modalidade”, comenta Toscano.

• Prepare-se para as manutenções necessárias

Após a aquisição dos veículos, é importante mantê-los em bom estado. Por isso, é necessário investir em uma manutenção preventiva para o dia a dia por meio de uma concessionária. Com o acompanhamento, é possível assegurar que tudo está funcionando corretamente e evitar problemas futuros, que podem trazer prejuízos. Também é importante investir em uma manutenção corretiva, que será utilizada em momentos em que o veículo apresentar um problema. Por isso, é importante contar com fornecedores de confiança para realizar reparos rapidamente, evitando a indisponibilidade da frota por longos períodos. ” Um erro bastante comum das empresas é planejar verbas apenas para a manutenção preventiva, esquecendo que as manutenções corretivas podem ser necessárias a qualquer momento. O ideal é ter um valor reservado no caixa da organização para esses casos”, conclui o vice-presidente de negócios da Embracon.

Sobre a Embracon

Há mais de 30 anos no mercado de consórcios, a Embracon é uma das maiores e mais conceituadas empresas especializadas em consórcio de automóveis, motos, imóveis e serviços, e já entregou mais de meio milhão de bens. A filosofia de trabalho se baseia em conhecer e atender às necessidades dos clientes que encontram na instituição solidez, credibilidade, inovação e uma vasta gama de produtos. Atualmente, a empresa possui mais de 160 mil clientes ativos, mais de 400 parceiros em território nacional, cerca de 100 filiais no país e 2,9 mil funcionários. A Embracon é autorizada e fiscalizada pelo Banco Central do Brasil e associada à ABAC (Associação Brasileira das Administradoras de Consórcios). 

VEJA TAMBÉM...

Publicidade