Notícias

Notícias

Abacate ajuda a diminuir colesterol no sangue

Data11 setembro 2015

COMPARTILHE

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

O abacate é um fruto tropical muito nutritivo, rico em calorias provenientes sobretudo da gordura que contém. Grande parte desta é monoinsaturada, ou seja, ajuda a diminuir os níveis de colesterol no sangue. É ainda um alimento rico em vitamina E, B6 e em potássio. É um fruto, mas também é habitual ser referido como um legume, uma vez que é muito utilizado em pratos salgados. Apresenta uma textura macia e um sabor suave, e pode ser utilizado para fazer molhos ou sopas frias; cortado em fatias ou cubos e adicionado em saladas; pode também ser cortado ao meio, no sentido longitudinal, e servido com casca, como sobremesa.

Cada 100g de abacate fornecem cerca de 190 calorias. A fruta apresenta também uma enorme riqueza em nutrientes, muito diferente de alimentos que possuem apenas calorias vazias (calorias provenientes sobretudo de um nutriente, o açúcar ou a gordura, e sem vitaminas nem minerais). O seu elevado teor calórico provém principalmente das gorduras que são, em grande parte monoinsaturadas (12%) e algumas poliinsaturadas (2%). O seu conteúdo em gordura monoinsaturada (principalmente ácido oleico, como o azeite) e vitamina E, torna-o num alimento com poderosa ação antioxidante. Esta propriedade protege contra o cancro e doenças cardiovasculares.

A vitamina E tem capacidade de proteger o colesterol das LDL (mau colesterol), impedindo a sua oxidação pelos radicais livres de oxigénio. Desta forma reduz os riscos de problemas cardiovasculares. Esta vitamina desempenha ainda um papel importante na contagem e mobilidade dos espermatozóides. O aumento da ingestão de alimentos ricos em vitamina E pode melhorar a fertilidade nos homens.

Estudos recentes revelaram que dietas ricas em vitamina E podem oferecer proteção conta a doença de Parkinson, apesar de serem necessárias investigações mais conclusivas. O abacate é também rico em potássio, mineral importante na regulação da tensão arterial. A carência de potássio pode levar a depressão, confusão mental e problemas musculares. É igualmente uma boa fonte de vitamina B6, importante para aliviar as mudanças bruscas de temperamento das mulheres com problemas de tensão pré–menstrual.

A polpa e a gordura do abacate são também empregues em cuidados de beleza, no tratamento da pele, fama que advém da sua riqueza em vitaminas E e A. Pensa-se que alguns dos seus componentes químicos estimulam a produção de colágeno, que ajuda a suavizar as rugas, conferindo à pele um aspecto fresco e saudável. As propriedades do abacate são excelentes para a pele, quer ele seja esmagado e usado como máscara facial, quer seja comido.

Hábitos e modo de consumo deixam a fruta mais saborosa e nutritiva

Embora nativo da América Central, o abacateiro adequou-se muito bem ao Brasil, é muito cultivada por toda parte. Além de conter 20 a 25% de óleo usado em perfumaria, tem diversas  aplicações medicinais, além de usos culinários e cosméticos.

Os melhores abacates são os mais pesados e firmes, tem polpa macia e gordurosa, com sabor característico e delicado (antes de ficar maduro, ele tem polpa dura e esbranquiçada). Algumas vezes, tem manchas de cor marrom-clara na casca, mas esse é um defeito apenas superficial que não afeta a qualidade do fruto. Para saber se estão no ponto, é só fazer uma ligeira pressão com os dedos: os de casca fina cedem logo, os de casca mais grossa oferecem um pouco mais de resistência. Os abacates duros ou bem firmes, embora possam ter todas as características de boa qualidade, não estão prontos para o consumo imediato, devendo ser amadurecidos.

O abacate deve ser guardado em lugar fresco e arejado. Quando ainda verde, não convém colocá-lo na geladeira, pois o frio interrompe o processo de maturação. Depois de descascado, deve ser imediatamente consumido, porque, em contato com o ar, a polpa escurece. Para evitar o escurecimento imediato da polpa, passe um pouco de limão na superfície do fruto. Como o abacate maduro é muito sensível, amassando-se com muita facilidade, deve evitar-se que fiquem empilhados na fruteira ou no recipiente no qual são guardados.

Para cortar e limpar o abacate, lave-o bem sob água corrente e enxugue. Corte-o ao meio, no sentido do comprimento, torça delicadamente as duas metades para separá-los e, com a ponta de uma faca, retire o caroço. Dependendo do uso, corte-o em fatias e descasque.

No Brasil, o abacate é consumido ao natural com açúcar, como sobremesa. No entanto, em outros países é mais apreciado em saladas, bem temperado com vinagre, pimenta e maionese. Em pratos doces, o abacate combina muito bem com limão, leite, creme de leite e leite condensado, na preparação de sorvetes, cremes, mouses e bebidas. Em pratos salgados, vai bem com camarão e lagosta, em saladas ou acompanhando pratos fortes.

VEJA TAMBÉM...

Publicidade