- Jornal EntrePosto - https://www.jornalentreposto.com.br -

PIB do agronegócio novamente tem destaque na economia

Depois de um período de recessão, a economia brasileira, finalmente, vem tendo uma leve melhora. Isso se deve, porque, o PIB – Produto Interno Bruto, que é tudo o que o País produz e através dele é usado, por exemplo, como parâmetro para a economia fechou o ano de 2017, em alta.

Sendo que o setor do agronegócio mais uma vez colaborou para este resultado positivo, com uma participação de 23,5%. Só para se ter uma ideia o quanto a agricultura e o agronegócio estão sendo importante ao Brasil, essa porcentagem é a maior obtida em 13 anos.

Quem realiza o cálculo do PIB é o IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Já para o ano de 2018, a expectativa é ainda mais animadora. Isso porque, segundo a CNA – Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil, a estimativa que o PIB do agronegócio deve aumentar cerca de 0,5% a 1% neste ano.

Consequência desse momento da agricultura é o emprego gerado no campo. De acordo com o último levantamento realizado pela CNA, com base em dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), de janeiro a outubro de 2017, o setor agrícola foi responsável pera geração de 93 mil vagas de emprego.

Isso é a maior expansão do indicador do campo, nos últimos cinco anos. Fazendo uma analogia, com o mesmo período do ano anterior, a alta foi de 84%.