Notícias

Notícias

Janeiro começa com bons preços no atacado da CeasaMinas

Data4 janeiro 2017

COMPARTILHE

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Em dezembro, o preço geral dos hortigranjeiros caiu 24,2% no atacado da CeasaMinas, na comparação com novembro. Os bons preços devem permanecer em janeiro, especialmente para batata lisa, chuchu, abobrinha italiana, quiabo, limão tahiti, melancia e mamão formosa. As informações são da Seção de Informações de Mercado da CeasaMinas.

Em geral, esses são produtos que estão em safra, que, aliada a outros fatores, fez os preços caírem em dezembro. As boas condições climáticas no sul de Minas Gerais e no Paraná, por exemplo, fizeram a batata ter uma redução de 30,6% no preço. As férias escolares reduziram a procura de alguns itens, como o chuchu, cujo preço caiu 4,3%.

Ainda entre as hortaliças, a abobrinha italiana apresentou recuo de 13,5% no preço de dezembro, em relação a novembro. Já o quilo do quiabo caiu de R$ 3,10 para R$ 2,51 no atacado, ou seja, está com preço 19% menor.

As frutas apresentaram redução geral de preço de 23,2%, puxada pelo limão tahiti, que caiu 42,4%. O produto está em safra e os bons preços devem permanecer até o meio do ano, caso não ocorra alguma interferência climática não prevista ou doença na lavoura. Apesar do aumento de 2,9%, a melancia continua com bom preço para o consumidor: R$ 0,71 o quilo. O mamão caiu 14,7% e deve continuar em situação atraente ao consumidor, já que o produto vai entrar em safra em fevereiro.

VEJA TAMBÉM...

Publicidade