Notícias

Notícias

Tomate híbrido é aposta em regiões de clima ameno

Data13 setembro 2016

COMPARTILHE

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

O tomate Itaipava F1, lançamento da Agristar pela linha Topseed Premium em 2015, mostra os seus resultados em duas regiões de maior cultivo, os estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Como destaque está o seu excelente pegamento de frutos nas primeiras pencas, principalmente em condições adversas ou com temperaturas amenas.

O Especialista em Tomates e Pimentões, Thiago Teodoro Alcântara, explica que o Sul é umas das suas principais regiões de cultivo e a produtividade se torna um grande diferencial da variedade, pois esse pegamento se estende durante todo seu ciclo. A qualidade de fruto e a firmeza trazem total segurança ao agricultor para comercializar e enviar seu produto para todas as regiões do Brasil, sem preocupações com ponto de colheita, pois apresenta ótima coloração, qualidade e excelente pós-colheita (durabilidade na banca).

“Com o avanço das pesquisas, também conseguimos outras características interessantes para o tomate Itaipava: como precocidade na sua maturação, fator importante para regiões com clima ameno e uniformidade de frutos até seu ponteiro. Isso só foi possível pelo fato de possuir pencas definidas (dispensa mão de obra de raleio), garantindo frutos com tamanho comercial até o ponteiro da planta e, por último, a resistência ao TSWV (vírus do Vira-Cabeça), virose que vem causando grandes prejuízos aos agricultores”, explica Alcântara.

Sobre a Agristar

Fundada em 1958, a Agristar é uma das maiores empresas do país na produção e comercialização de sementes de hortaliças, flores e frutas. Atua no mercado profissional de horticultura com as linhas Topseed Premium, Topseed e Superseed, além da Topseed Garden voltada para o segmento de jardinagem, hobby e lazer. Sediada em Santo Antônio de Posse (SP), a empresa possui cinco unidades voltadas para pesquisa e desenvolvimento de produtos localizadas estrategicamente em SP, MG, GO, SC e RN, principais polos produtores do país.

 

VEJA TAMBÉM...

Publicidade