Notícias

Notícias

Amargo da escarola é indício de benefícios para combater doenças graves

Data1 junho 2016

COMPARTILHE

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

A escarola é uma hortaliça pertencente à mesma família Asteraceae da chicória e do almeirão. Por causa dessa coincidência, essas verduras são muito semelhantes ao gosto amargo de suas folhas ?cando fáceis para confundir-nos com seus sabores. A diferença entre a escarola e suas “parentes” está no amargor mais suave que possui do que o das outras.

O sabor amargo é provocado pela presença de uma substância chamada inulina, um tipo de ?bra alimentar com efeito prebiótico, que estimula a produção de bactérias benéficas que vivem no trato intestinal ideal para combater o câncer de cólon.

A escarola é fonte de saúde. Em sua composição é possível encontrar os mais variados nutrientes responsáveis por colaborar com os sistemas imunológico, digestório, respiratório e urinário, e também ajudar a prevenir doenças cardiovasculares e ósseas.

Utilizada desde o tempo do Antigo Egito e na civilização greco-romana, a escarola tornou-se ingrediente de diversas formulações farmacológicas: tônicos, bebidas para combater a febre, xaropes vermífugos, purificantes do sangue. Essa disposição para uso medicinal se deu pelo alto valor nutricional encontrado em suas folhas e talo.

Das curiosidades da hortaliça, a raiz torrada e moída de escarolas é utilizada, desde o século XVII, como um substituto do pó de café na preparação da bebida. Também se usa misturar o pó da raiz da verdura com o do café para diminuir o efeito excitante da cafeína.

Por essas diversas funcionalidades, não à toa que nesta semana, a Seção de Economia e Desenvolvimento (SEDES) da Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (CEAGESP) destacou a escarola como a dica de compra.

Em 2015, o Entreposto Terminal São Paulo (ETSP) registrou a entrada de 5.197 toneladas de escarola vindas dos seguintes municípios do estado de São Paulo: Ibiúna, Piedade, Cotia, Mogi das Cruzes, Santa Izabel e Embu Guaçu. Andradas, localizada no sul de Minas Gerais, foi a única cidade fora do grupo paulista que contribuiu com o abastecimentos dos armazéns do Entreposto da Capital.

Mesmo oferecendo maior qualidade do alimento no inverno, a escarola tem boa oferta o ano todo. No dia 25/5, a folhosa foi comercializada pelos permissionários da ETSP pelo valor de R$ 19,40 o engradado.

A escarola, além de fazer bem à saúde, rende receitas deliciosas. Ela pode ser consumida crua, como salada, cortada em tirinhas bem ?nas ou cozida e refogada, servindo de recheio para quiches e tortas. 

VEJA TAMBÉM...

Publicidade