Notícias

Agro

2022 começa para a CEAGESP com R$ 15,131 milhões de lucro no primeiro trimestre 

Data7 julho 2022

COMPARTILHE

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Resultado da CEAGESP nos três primeiros meses superou em mais de R$ 13 milhões o mesmo período de 2021. EBITDA superou R$ 20 milhões 

A Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (CEAGESP) fechou o primeiro trimestre de 2022 com resultado líquido de R$ 15,131 milhões, superando por larga margem o resultado do mesmo período de 2021, fechado em R$ 1,938 milhão.  

Pesou favoravelmente para essa conta o aumento da arrecadação, que no primeiro trimestre foi de R$ 29,078 milhões, contribuindo para uma Receita Operacional Bruta de R$ 40,500 milhões frente aos R$ 38,773 milhões do trimestre anterior. Os principais fatores de atingimento do resultado foram o faturamento de R$ 1,430 milhão em armazenagem, R$ 1,195 milhão em Permissão Remunerada de Uso e R$ 469 mil em Autorizações de Uso.  

Papel importante nos resultados teve também a variação do grupo de receitas e despesas administrativas. O principal fator foi a liquidação dos investimentos na COSESP, que gerou aumento na receita da alienação no valor de R$ 6,512 milhões. Também houve reduções importantes em Provisões de Crédito de Liquidação Duvidosa (PECLD) e processos de contingências. 

O EBITDA (lucro sem depreciações, amortizações, juros e tributos sobre o lucro) fechou em R$ 20,243 milhões, valor que ganha força se compararmos ao fato de que no mesmo período do ano passado foram registrados R$ 7,205 milhões. Esse indicador é importante por estar correlacionado à produtividade e à eficiência de um negócio.  

O primeiro trimestre de 2022 também registrou os seguintes índices:  

1) Liquidez corrente de 1,42 (0,68 no primeiro trimestre de 2021);  

2) Liquidez geral de 1,07 (0,79 no primeiro trimestre de 2021);  

3) Grau de endividamento de 0,38 (0,46 no primeiro trimestre de 2021);  

4) Margem operacional de 0,54 (0,17 no primeiro trimestre de 2021).  

VEJA TAMBÉM...

Publicidade