- Jornal EntrePosto - https://www.jornalentreposto.com.br -

Programa de sustentabilidade para produtores de uva apresenta resultados

O Programa Gestão Sustentável – Ecoeficiência Aplicada na Cadeia de Valor, da Fundação Espaço ECO®, apresentou no dia 25 de maio, seus resultados após quatro meses de atividade em Juazeiro (BA) e Petrolina (PE). Neste período, a Cooperativa Agrícola Juazeiro (CAJ) participou do programa com o objetivo de engajar seus técnicos agrícolas e cooperados sobre a conexão entre sustentabilidade e seu negócio.  

76 pessoas participaram da iniciativa distribuída em seis módulos sobre temas, como cooperativismo, medição de sustentabilidade, indicadores e processos de gestão, comunicação e marketing, gestão de pessoas, conservação ambiental e gestão de recursos hídricos. Além disso, o programa contou com dois módulos de visitas a propriedades rurais. 

“A transferência de conhecimento sobre as melhores práticas de gestão focada a alcançar maior eficiência no uso dos recursos, além de outros quesitos que compõe o conceito de produção sustentável, tem desconstruído a ideia de que sustentabilidade é apenas custo e que na verdade é um investimento com retorno futuro para as cooperativas agrícolas”, afirma Sara Juarez Sales, gerente de Educação para Sustentabilidade e Conservação Ambiental da Fundação Espaço ECO® (FEE®). 

Alguns participantes já conseguem afirmar como o Programa trouxe benefícios diretos para seu negócio, como é o caso de Thaysa Pereira, de Petrolina (PE). Thaysa entrou no programa com o interesse de praticar a sustentabilidade em sua fazenda. Após alguns encontros, desenvolveu atividades de adequação na fazenda, como uma análise da presença dos gestores no dia a dia da fazenda, concluindo que o contato direto é mais eficiente que um canal de sugestão. 

Em uma dessas conversas entre gestores e colaboradores, surgiu a ideia de substituir duas esteiras por uma com dois níveis de altura e a criação de duas pequenas estações para processamento de uvas em cumbuca. Esta melhoria, de baixo custo, reduziu o tempo de chegada da cumbuca até a embaladora em um minuto e seis segundos, aumentando em 15% a capacidade de processamento da uva.  

Além disso, a fazenda adotou uma política de reaproveitamento em que baldes quebrados são transformados em pás para lixo, pallets em móveis (banquinhos, tablados para caixa e contentores) para utilidade no campo e no processo de embalagem, o refugo de uva (uvas consideradas de má qualidade após a colheita) transformado em uva- passa.

 “Apenas com essas mudanças, conseguimos cortar a hora extra e eliminar a compra de itens que podem ser produzidos na fazenda. Sugiro que os proprietários rurais entendam que sustentabilidade é muito mais do que imaginamos. Não está apenas relacionada à legislação. Uso de produtos registrados, boas práticas de produção, reaproveitamento de materiais, segurança e saúde do trabalhador, tudo isso é sustentabilidade. Normalmente, a solução sustentável é simples e pode custar bem pouco”, comemora Thaysa.

 “Para nós, é extremamente importante realizar este programa, pois estamos indo além da garantia de espaço no mercado, maior competitividade ou rentabilidade do negócio. Estamos em uma importante região do Brasil, o Vale de São Francisco, e devemos contribuir para seu desenvolvimento sustentável”, afirma Junior Silveira, gerente comercial da CAJ.

 O Programa Gestão Sustentável ainda contou com o apoio do Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).